A fábrica de sacanear o brasil
Home » Brasil » A fábrica de sacanear o brasil

A fábrica de sacanear o brasil

“O POVO NÃO PODE TER VERGONHA DE TER ORGULHO DO SEU PAÍS”

Autor: João Muller

A copa do mundo de futebol que deveria ser o maior evento esportivo em nosso território nos últimos anos foi prejudicada pelo processo eleitoral de 2014. Infeliz coincidência. Naquele dia, lá em 2007 quando anunciaram o Brasil como sede da copa muita gente chorou, se emocionou mexeram com a nossa auto estima. Entrevistas de autoridades, esportistas, artistas, imprensa sem exceção comemoraram a conquista.

“ITAQUERÃO”

“ITAQUERÃO”

Mas, se é verdade ser uma infeliz coincidência a eleição com a realização da copa, sem medo de errar podemos dizer que foi uma feliz coincidência para enfrentar aquela que pode ser considerada a pior crise econômica mundial pós 1929. Em 2008 o mundo sacudiu com a crise americana que viu sua bolha imobiliária quebrar o sistema financeiro de seu país com efeitos devastadores na economia mundial. Logo em seguida vem a crise econômica europeia. Até hoje lutam pela recuperação, pós esgotamento do neoliberalismo.

Enquanto o mundo optou pela recessão, com aumento no índice de desemprego, corte em programas e direitos sociais com consequente aumento da desigualdade, o Brasil decidiu impor o anticíclico movimento econômico, iniciou obras da copa, lançou programas sociais como Minha Casa, Minha Vida, aumentou crédito para o consumo interno. Aumentou investimentos em educação, saúde, mobilidade urbana, infraestrutura e diminuiu acentuadamente a desigualdade. Muitos conquistaram sua moradia, seu carro, os filhos foram para universidades, viajaram, trocaram móveis e tiveram uma estabilidade de emprego até o momento.

Sem pena e nem dó vem a fábrica de sacanear o Brasil, nossa imprensa oligopolizada nas mãos de seis famílias em nosso país. Iniciaram um movimento orquestrado contra a realização da copa em nosso território. Pra se ter ideia do efeito devastador da campanha diuturna, em 2010 mais de 72% apoiavam a realização da copa no Brasil, chegamos em 2014 com um terço da população admitindo nosso país como sede.

Aeroporto Internacional de São Paulo Guarulhos Interior do Aeroporto

Aeroporto Internacional de São Paulo Guarulhos Interior do Aeroporto

Pasmem, conseguiram fazer com que o povo brasileiro tivesse vergonha de ter orgulho do seu país. Há apenas sete dias da copa não existe clima de copa.

Seria necessário uma pesquisa profunda sobre a economia mundial para compararmos a capacidade do nosso país em transpor as adversidades. Imaginem um país que em 05 (cinco) anos construiu 12 (doze)arenas esportivas, duplicou a capacidade de passageiros em 12 (doze)aeroportos, ampliou em 27% a produção de energia, instalou fibra ótica em todos os estádios, investiu 17 bilhões em mobilidade urbana, obras como a Transcarioca BRT que vai transportar 320 pessoas/dia no sistema de transporte do Rio de Janeiro, 12 (doze) Centros de Monitoramento de Câmeras de Segurança em todas as sedes com investimentos de 01 (um) bilhão de reais, 15 (quinze) novos empreendimentos hoteleiro.

No ínício passaríamos vergonha porque os estádios não ficariam prontos para sediar a copa. Quando vencíamos etapas tentavam e conseguiam incutir na cabeça do povo que as obras eram superfaturadas. Mais adiante convenceram muitos de que o dinheiro investido nas obras da copa fariam falta para as áreas de educação, saúde, segurança. Quando na verdade, pela primeira vez, uma comissão do TCU, TCEs, MP, CGU e PF fiscalizaram a execução das obras desde o início. O Brasil investiu desde 2009 quase 300 bilhões em moradia, 843 bilhões em educação, saúde, mobilidade urbana.

Mas, a FABRICA DE SACANEAR O BRASIL baixou nossa auto estima e nos fez ter vergonha do orgulho de ser brasileiro. Chegaram ao cúmulo de estimular os movimentos e protestos sociais durante a copa, pior a Folha de São Paulo lançou hoje, dia 05 de junho, a apenas uma semana da abertura do evento o filme JUNHO, que retrata os movimentos e protestos de 2013. Implantaram o medo e o terror quando O Estadão estampou como manchete a união entre Black Blocs e o PCC para transformar o país num caos.

E o que vemos, as delegações chegando, seus centros de treinamento preparados, arenas prontas e aeroportos de acordo com a necessidade para realização do evento. Melhor ainda, Croácia já elogia estrutura, ambiente e jogadores e comentaristas internacionais ficam encantados com a beleza do país. Enquanto isso, nós acreditamos que só o Brasil tem problemas, quando na verdade EUA e EUROPA tem dificuldades em oferecer serviços públicos gratuito. Pior, sentimos vergonha do nosso orgulho em ser brasileiro. Uma pena, o mundo vai reconhecer nossa capacidade e internamente vamos acreditar na Fábrica de Sacanear o Brasil.

Interior do Novo Terminal 3 (T3) do Aeroporto

Interior do Novo Terminal 3 (T3) do Aeroporto

Sobre: João Batista Muller

6 6 Comentários

  1. Eu quero meu País com uma boa imagem

  2. Os protestos deveriam ter sido feitos antes e não agora

  3. Apesar de não concordar com os desmandos da copa torço pra que tudo de certo

  4. esse joão miller e os mesmo que comenta na radio ?

  5. Cara povo está infeliz pela roubalheira que gerou a compra da copa pelo PT.

  6. Belo artigo um verdadeiro soco nos rins dos coxinhas , bllack bostas , e vira latas de plantão que não reclamam e ficam chupando o dedo quando são roubados a 20 anos numa quantia de 40 bilhões dos metrôs e rodoanel. A mídia bandida juntamente com os desesperados em roubar os 378 bilhões de dólares de nossa reservas inventam , caluniam e fazem de tudo para os brasileiros se sentirem vira latas e terem vergonha de seu país.
    Eu e meus amigos que vivemos os anos malditos de fhc e ditadura sabemos como eramos e como estamos , a cerveja ta no gelo e a picanha fatiada em outros tempos era só pipoca e olha lá.
    Tem uma frase da época da ditadura que cai bem agora. Ame-o ou deixe-o . vai passa fome nos EUA ou na Europa se voce preferir.

Deixe uma resposta

Seu e-mail (obrigatório)Necessário *

*